Aquicultura para todos

Escócia e Chile fortalecem aliança em aquicultura

Salmão atlântico Sistemas de aquicultura recirculante (RAS) Economia +8 mais

A secretária do gabinete da Escócia para assuntos rurais, reforma agrária e ilhas, Mairi Gougeon, visitou operadores de aquicultura no Chile como parte de uma nova iniciativa que visa fortalecer os laços entre os setores de aquicultura dos dois países.

Miguel Portus, CEO da Lago Sofia, com Mairi Gougeon na fazenda de smolt da empresa chilena

Gougeon, que estava em Puerto Montt para a feira comercial Aqua Sur, visitou Chinquihue - uma fazenda de smolt em terra pertencente a Lago Sofia. Ela fazia parte de uma delegação que também incluía o secretário particular para assuntos rurais, Rahul Singh; a assessora especial dos ministros escoceses, Kate Higgins; o vice-diretor de economia marinha e comunidades, Malcolm Pentland; e a chefe de desenvolvimento de aquicultura, Jill Barber

De acordo com Goudgeon, foi interessante ver como essa empresa opera e o investimento que faz em saúde e bem-estar animal, além de observar a importância que eles dão à comunidade, tanto nas decisões que tomam quanto nos negócios que constroem.

Ela acrescentou que os valores ambientais e sociais são exatamente o que eles estão tentando implementar na aquicultura escocesa.

"Publicamos nossa visão para a aquicultura sustentável no ano passado porque queremos ver um crescimento sustentável nessa atividade em nosso país, mas sabemos que precisamos fazer isso trabalhando com o ambiente que temos, tentando melhorar o ambiente, mas também nos certificando de que estamos trabalhando com nossas comunidades também, porque essa é uma parte realmente essencial desse processo", disse a ministra.

Por sua vez, o CEO da Lago Sofia, Miguel Portus, comentou que essa visita se tornou uma excelente oportunidade para apresentar algumas das contribuições que sua empresa fez em termos de tecnologia e design de seus módulos RAS.

"Esses sistemas já são conhecidos no mercado há algum tempo; aqui pudemos apreciar como, a partir de um alto padrão de sustentabilidade e bem-estar animal, foi montado um projeto de produção de smolt que se tornou referência dentro das pisciculturas do país. Nós nos sentimos muito honrados pelo fato de a Ministra Gougeon ter considerado nossas instalações e ter nos dado quase uma manhã inteira de seu tempo", disse ele.

Construindo pontes

O Lago Sofia faz parte do programa Blue Bridge, organizado pelo Departamento de Negócios e Comércio do Reino Unido, juntamente com a Embaixada Britânica no Chile, que visa promover oportunidades no Reino Unido para um grupo de empresas chilenas fornecedoras de tecnologia de aquicultura.

"Essa oportunidade nos permitiu não apenas mostrar às autoridades escocesas o que podemos trazer para a Escócia como parte de nossas contribuições para os sistemas de produção, mas também abre um mundo de possibilidades para o intercâmbio tecnológico, acadêmico e de produção em diferentes áreas do ciclo de cultivo, e nisso, acredito que temos uma importante vantagem comparativa, pois a tecnologia que usamos nos permite flexibilizar a produção, manter um alto padrão sanitário e cuidar rigorosamente do bem-estar dos peixes", disse Portus.

"Sabemos que a aquicultura é muito importante para nossa economia na Escócia. Ela oferece empregos bem remunerados em algumas das áreas mais remotas de nosso país e também em nossas comunidades insulares. Porém, sabemos que o crescimento do setor precisa ser sustentável. Isso significa reduzir o impacto ambiental, investir na saúde e no bem-estar dos animais, além de trabalhar com as comunidades, e foi exatamente isso que vimos hoje no Lago Sofia", concluiu Gougeon

Create an account now to keep reading

It'll only take a second and we'll take you right back to what you were reading. The best part? It's free.

Already have an account? Sign in here